Toada da Terra e da Lua

à beira do rio, nem um sinal nas águas calmas, apenas pequenos círculos se espalham dos meus pés nus dentro das águas, calmamente. não há mais nada, senão a calmaria de já não conseguir pensar. e de repente o chão começa a palpitar e os meus pés saltam da água e o pó levanta do chão. não…